.
 
InícioRegistrar-seConectar-seSite
Parceiros
Pet's Rolesilva
Parceiros
Guassa
Parceiros
Artesanato do futuro
Facebook cBRaves
Facebook cBRaves

Compartilhe | 
 

 Alimentação de 7 espécies diferentes ;)

Ir em baixo 
AutorMensagem
Leyson Robert
Fazendo Ninho
Fazendo Ninho
avatar

Mensagens : 607
Data de inscrição : 13/03/2011
Idade : 37
Localização : Brasília - DF

MensagemAssunto: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   Sab 30 Abr 2011, 1:02 pm

Olá Criadores,

A pedido do Zo estarei colocando aqui a alimentação de 7 espécies de Pássaros diferentes, cujo eu as crio e venho observando seus gostoso durante este tempo, vamos lá então colocarei em ordem alfabética Wink

Calafate:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O calafate é um pássaro granívoro, por isso deve ser alimentado com uma mistura de sementes, 30% alpiste, 70% de painço, mistura esta que deve ser soprada e reposta todos os dias, verduras como almeirão, espinafre, ou chicória devem ser fornecidas pelo menos uma vez por semana, farinhada é essencial para a boa saúde do pássaro e deve ser servida e trocada todos os dias, especialmente na época de reprodução e muda de penas, também é bom servir osso de siba ou casca de ovos de galinha torrada por 20 a 30 minutos e triturada. Os dois produtos são fontes de cálcio essenciais para os pássaros principalmente na época da postura, quando as fêmeas precisam de reposição de cálcio.

Cuidados - Uma tigela de areia de rio lavada, deve ser deixada a disposição dos pássaros, a areia é um elemento muito importante para a saúde dos pássaros. É ótimo para a higiene e para mantê-los em boas condições de saúde, pois contém minerais, cálcio e auxilia na digestão das aves.

A água do bebedouro deve ser trocada diariamente. E como adoram tomar banho, você pode colocar na gaiola uma pequena banheira de cerâmica para que eles possam se divertir, tendo o cuidado de trocar igualmente essa água todos os dias.

A água, nesse caso, também ajuda a manter a umidade necessária para que os ovos choquem. Da mesma forma, a gaiola e o poleiro devem estar bem limpos. A bandeja precisa ser limpa com intervalos de um dia e o poleiro uma vez por semana.

Calopsita:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

A alimentação das Calopsitas deve ser bem observada, sobretudo em época de posturas. Abaixo seguem orientações.

20% de alpiste, 50% de painço, 15% de arroz com casca, 10% de aveia e 5% de girassol miúdo. Deixar nos alimentadores para ser consumido conforme necessidade da ave. Atualmente se encontram alimentos prontos a granel (por quilo) ou em pacotes fechados, de diversas marcas. Estes alimentos, via de regra, possuem a constituição acima adicionada de algum(ns) ingrediente(s) variando de fabricante para fabricante. A granel podem ser encontradas rações para periquitos ou calopsitas (embora esta última seja mais difícil de ser encontrada). Atualmente podem ser encontrados alimentos extrusados prontos para estas aves.. Estes alimentos extrusados contém prebióticos que ajudam na saúde das aves. Também existem alimentos extrusados preparados especialmente para as épocas de reprodução, muda e estresse das aves. Note que nem todas as aves aceitam prontamente alimentos extrusados devendo haver uma transição programada ou misturada à ração normal.
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Não é aconselhável fornecer apenas um tipo de semente. Além de causar carência nutricional alguns alimentos com porcentagem mais elevada ( ex: aveia ) podem causar distúrbios gástricos, diarréias e outros problemas. A utilização das porcentagens acima garante a melhor taxa de aproveitamento x necessidades das aves.

Farinhadas. Estas farinhadas podem ser feitas em casa ou compradas prontas em pet shops. Em casa é normalmente feita com ovo cozido normalmente amassado com fubá. Alguns criadores misturam Neston nesta farinhada caseira. Porém deve ser obrigatoriamente retirada após algumas horas para não estragar e afetar as aves. As farinhadas comerciais têm um período de validade maior visto serem desidratadas.

Frutas e legumes em pedaços e verduras como espinafre, chicória, brócolis, almeirão e couve, bem lavados (2 a 3 vezes por semana). Também podem ser fornecidas folhas de beterraba.

Não forneça alface ( pode ocasionar diarréia) . Não é aconselhável fornecer tomate, beringela e abacate.

Milho verde (diariamente ou em dias alternados. Caso haja filhotes fornecer diariamente!). O milho verde é muito importante para a saúde de uma calopsita. Grãos germinados de girassol, milho seco, painço, aveia com casca, trigo e arroz sem casca. Também pode ser fornecido grão de bico após deixar de molho para amaciar. Pão duro, seco e em pedaços de preferência o integral. Há criadores que fornecem os pães umedecidos. Mas nestes casos devem ser trocados após poucas horas no máximo. Areia grossa e lavada e farinha de ostras para ajudar na digestão e como fonte de cálcio (principalmente na reprodução); Carvão vegetal em pedaços ou moído e adicionado à areia e à farinha de ostras; Osso de siba ( também conhecido como osso de baleia ) . Atualmente podem ser encontradas nas lojas especializadas compostos contendo areia lavada, farinha de ostras (ou ossos), carvão vegetal, erva doce ( conforme o fabricante há variação na composição ). Este tipo de composto é comumente denominado grit .

Podem ser fornecidas também abóbora e cenoura cruas, cortadas longitudinalmente ( comprido ) de forma que o miolo fique mais exposto. Parece haver preferência da abóbora à cenoura. Ambas têm caroteno ( proto vitamina A ). A semente da abóbora funciona como vermífugo.

Encontram-se disponíveis também alimentos diversos apelidados de 'papa universal' . É um conjunto de elementos que varia de fabricante a fabricante. Alguns possuem em sua composição ovo em pó, farelo de soja, levedura seca de cerveja, farinha de conchas, premix vitamínico, óleo vegetal e outros.

Canário Belga:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O Canário como qualquer ser vivo, ingere alimentos para fazer funcionar seu organismo, isto é: para manter a temperatura do corpo, fazer o metabolismo funcionar, repor tecidos, trocar penas, se movimentar, se reproduzir, etc, etc.
São pássaros granívoros e, portanto, as sementes representam a parte mais importante de sua dieta, que deve ser complementada por uma ração, antigamente chamada de farinhada. Juntos, sementes e ração, devem prover e adequar os alimentos fornecidos às diferentes necessidades de nossos pássaros.

Alpiste : Como já sabemos o alpiste é a principal semente usada na dieta do canário, deve entrar na mistura com, pelo menos, 60% do total. Sua composição é rica em proteínas, hidrato de carbono, lipídios, vitaminas B1 e E, etc. Os hidratos de carbono produzem calorias, mantendo a saúde da ave, facilitando a digestão.

Aveia : É um excelente provedor de energia, muito rico em amido, e especialmente rico em lisina e cistina, dois dos principais aminoácidos essenciais. Deve ser utilizada no balanceamento da mistura como o principal provedor de Carboidratos exercendo ação benéfica sobre o aparelho digestivo, semelhante ao grão de trigo e arroz com casca. O risco desta semente é a alta manifestação de fungos e outras formas de vida indesejáveis, que podem causar sérios danos à saúde dos pássaros.

Colza : Uma semente rica em proteínas, ótima para o desenvolvimento da glândula tireóide, músculos, penas, vísceras, tendões, possui ainda hidrato de carbono, vitaminas, uma semente oleosa e gordurosa, semente de cor escura, em forma de esfera.

Níger : Uma semente muito apreciada pelo nossos pássaros, tem elevado teor de Proteínas e Gorduras, como a colza esta também é uma semente escura e comprida, é recomendada mais na época de criação mas podendo ser fornecida o ano todo, também possui bastante óleo, sendo um bom fortificante das matérias corantes dos canários.

Linhaça : Também é bastante oleosa, rica em proteínas, é recomendada ser fornecida as aves na época de muda de pena, pois acentua o brilho das penas.

Nabão : É utilizado também nos canários de canto, uma semente macia, é bem oleosa, rica em gordura e hidrato de carbono.

Verduras : Fornecer verduras e legumes, tais como almeirão, couve, jiló, chicória e pepino... são muito úteis como complemento alimentar especialmente na época da muda de penas. As verduras são ricas em várias vitaminas além de ajudar o bom funcionamento do intestino. Usá-las com parcimônia e levar em conta que um canário pesa por volta de 10 a 15 gramas, não deve comer uma folha inteira de couve ou almeirão.

Padronize sua alimentação e desde que esteja dando certo não mude. Existem milhares de fórmulas de farinhadas. Você acabará adotando a sua própria de acordo com suas conveniências. No mais, sucesso na próximo estação.

Ovos : Fornecer duas vezes por semana ovos cozidos. São ricos em vitamina E e Proteína.

Areia : Nós criadores sabemos que as aves em geral não possuem dentes, como nos canários o processo de digestão ocorre quando os músculos da moela se contraem triturando os grãos de alimento ingeridos, é nesse processo que a areia desempenha um papel fundamental. É a areia que permite que a "trituragem" que antecede à digestão se proceda de maneira completa, permitindo que a ave possa extrair do alimento todo o seu valor nutritivo. A areia que é ingerida pela ave vai para moela, fazendo as vezes dos dentes, ajudando a triturar e facilitando a digestão dos alimentos. Por esta razão o canário deve sempre ter à sua disposição uma quantidade de areia grossa, lavada e peneirada, se possível esterilizada e seca ao sol, pode-se acrescentar junto desta areia a casca de ovo que pode ser fervida e moída ou triturada no liqüidificador após secar ao sol por alguns dias, a casca não deve ser triturada muito no liquidificador para evitar que vire pó, e que fique num tamanho em que o canário possa escolher, onde junto com a areia irá na moela. A casca de ovo é uma rica fonte de cálcio o qual é indispensável para a vida das aves. A areia deve permanecer diariamente pois as aves saberão quanto e quando se alimentar.

Água : Como em todos os seres vivos a maior parte que constitue o corpo é água, como não poderia de ser os canários também possuem água em seu corpo 60%. Uma ave pode ficar sem comer e perder suas gorduras e proteínas e ainda sobreviverá, enquanto que a perca de 15% de água resultará em sua morte.
Os canários deve ter a sua disposição um pote de água para beber e outro para se banhar. A água a ser fornecida para o consumo da ave deve ser fresca e limpa, livre de impurezas.
A água é um dos alimentos que não há substituto, ele só vai ingerir aquela, por este motivo quando tiver de administrar remédios e vitaminas faz-se por via desta, pois a ave será obrigada a ingerir. No organismo da ave se faz necessário pois a mesma transporta materiais de uma parte do corpo para outra e executa funções importantes na regulação da temperatura do organismo dos canários. A quantidade de água a ser consumida pelos canários em relação aos alimentos chega a ser numa proporção de 3 partes de água para uma parte de alimento ingerido.
A água deve ser trocada todos os dias, evitando assim o acumulo de limo nos bebedouros que é prejudicial a ave, evite que fiquem expostos aos raios solares, porque a água esquenta e pode causar diarréia as aves.
Quanto a água de beber em viveiros e voadeiras estas devem ser colocadas do lado externo como nas gaiolas, se não for possível é aconselhável que não se coloque as vasilhas debaixo dos poleiros, para evitar que as aves defequem dentro dos bebedouros, podendo contaminar a água. Quando houver excesso de cloro na água ( notável pelo cheiro forte e pelo paladar ), deve-se fervê-la.

Diamante de Gould:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Os Diamantes de Gould é uma ave bem fácil de criar e tratar, não faz muita sujeita e nem muito barulho, o canto do macho é bem melodioso e baixo, muitas pessoas o criam mais por sua beleza por ser uma ave exótica.

Se alimenta basicamente de mistura das seguintes sementes: 25% de alpiste e 75% de painço e milheto, diariamente. Em dias alternados, verduras. Duas vezes por semana e na época de procriação, mistura de 20% de Farinha Láctea, 60% de Neston, 20% de farinha de rosca; acrescentar ovo cozido esfarelado. Para cada kg desta mistura acrescentar 4 colheres (sopa) de um suplemento nutricional como o ASA F1 e 3 de fosfato bicálcico. Na natureza alimenta-se de gramíneas, sementes, brotos de verduras, insetos adultos e em estado de larva e eventualmente de frutas e até polén.

Diamante Mandarin:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O Diamante Mandarim é uma ave pacífica que gosta de partilhar o aviário com outras aves da mesma espécie. O Diamante Mandarim prefere contudo voar pelo aviário a contactar com humanos. São aves activas, boas escolhas para aviários comunitários. Cada exemplar produz um som distinto, através da repetição de pequenos bips. As fêmeas não têm a capacidade de cantar.

O Diamante Mandarim não é uma ave difícil de alimentar. A alimentação deve ser composta por ¾ de painço e ¼ de alpista. Verduras como couve e espinafres (excepto alface) devem ser incluídos em menos quantidade na alimentação da ave. Se for necessário pode complementar com vitaminas ou minerais.

Manon:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Nenhum pássaro chega perto do instinto maternal do Manon. A fêmea fica tão atenta cuidando dos filhotes, que qualquer um pode abrir a gaiola e assistir ao espetáculo que ela dá, tanto para chocar os ovos,como para alimentar os filhotes depois de nascidos.

Muitos criadores de outras espécies, costumam comprar um Manon para auxiliá-los na procriação de outras espécies, pois algumas não chocam e também jogam seus ovos fora do ninho, como o Diamante de Gould, o Bico-de-Lacre e outros. A Manon neste caso, é uma excelente ama-seca. Cuida tão bem dos seus filhotes, como de outros pássaros menos dedicados.

A principal alimentação do Manon, são todas as espécies de sementes, como o alpiste.

É preciso retirar a cada dois dias as cascas das sementes que vão ficando ao fundo do comedouro, pois o Manon não cisca e isso o impede de e alimentar direito ou até morrer de fome.

Para completar a alimentação, pode-se dar couve, almeirão, escarola. O alface está proibido.

A maçã é uma fruta saudável para o Manon e o jiló e o pepino de legumes podem complementar a alimentação.

Durante a muda das penas, pode ser oferecida a farinhada, duas vezes por semana. No início do período reprodutivo, a farinhada também é muito importante e nessa epóca, pode ser oferecida diariamente, só não pode permanecer na gaiola, pois azeda, por isso, deve ser retirada ao final de cada dia.

O Manon também adora um banho, principalmente nos dias quentes, que devem levar pelo menos duas horas.

Coloque uma bacia com água limpa para o banho e deixe que ele se delicie no fescor da água. Procure fazer isso no horário mais quente do dia.

Periquito Australiano/Inglês:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Eu particularmente preparo a mistura dos meus piriquitos da seguinte maneira:

200 gr de alpiste
500 gr de painço comum
100 gr de painço verde
150 gr de aveia sem casca
100 gr de girassol miudo

Misturo tudo muito bem e gaurdo em um vidro bem seco e fechado.
Sirvo todo dia, assoprando as casquinhas e completando a comida do comedouro (uma vez por semana tiro toda a comida do comedouro e peneiro)
Cereais, frutas e legumes os piriquitos não gostam muito, mas você pode tentar os seguintes:
Milho verde em espiga (duas vezes por semana
Folha de chicória (uma por dia)
Maçã partida ao meio (uma vez por semana)

Nunca dê Alface, pois causa Diarréia.

Como suplemento você pode usar Vitagold 10 gotas em 250 ml de água uma vez a cada dez dias.

Comidas Nocivas - Tudo o que contiver gordura animal afaste deles.

É só isso, piriquitos não requerem muitos cuidados, pois são aves bastante fortes e resistentes.

Finalizo por aqui, espero que seja de bastante ajuda aos novatos ou até mesmo veteranos Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
zo barbosa
Começando a Voar
Começando a Voar
avatar

Mensagens : 159
Data de inscrição : 14/10/2010
Idade : 51
Localização : Itaipuaçú - Maricá - RJ

MensagemAssunto: Re: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   Sab 30 Abr 2011, 1:54 pm

Firmeza pura, meu amigo!
Parabéns!
Quem souber da alimentação de outras espécies, por favor, poste aqui ou no tópico da alimentação!
Vamos lá pessoal!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Filotes
Começando a Voar
Começando a Voar
avatar

Mensagens : 115
Data de inscrição : 15/04/2011
Idade : 28
Localização : Passo Fundo - RS

MensagemAssunto: Re: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   Sab 30 Abr 2011, 2:10 pm

Podem por a alimentação de agapornis e calopsita a mesma
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=11637314465906732132
Filotes
Começando a Voar
Começando a Voar
avatar

Mensagens : 115
Data de inscrição : 15/04/2011
Idade : 28
Localização : Passo Fundo - RS

MensagemAssunto: Re: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   Sab 30 Abr 2011, 2:44 pm

Para as minhas aves uso as seguintes sementes e frutos:

Manon e Mandarim:

- Uso mistura de sementes para canários(5kg) por ser mais completa e acrescento mais painço(2kg), na mistura de semente de canário vem alpiste(60%), colza(10%), niger(10%), linhaça(10%), e os outros 10% são outras sementes e vem junto uns biscoitinho, uso tbm dois tipos de farinhadas uma chamada cc2030(acho uma das melhores) e a outra e base de ovo, essa compro em menor quantidade pq estraga rapidamente mas eh otima tbm, principalmente quando tem filhotes ou estão com ovos, tbm dou para eles duas 2x por semana ovo esmagado, couve folha, chicória, uso principalmente quando começa o inverno aveia descascada(mas n muito pq engorda mto em pouco tempo e ficam viciados kkk), uso tbm pedras de cálcio e grit, dou uma vez por semana pão seco, maçã(sem semente e retiro após algumas horas para oxidar e fazer mal a eles), quando estao em muda sirvo pepino para ajudar na muda(realmente funciona).

Calopsitas, Agapornis e Periquitos:

- Uso mistura de sementes a base de alpiste, painço, colza, niger, girrasol, aveia (as porcentagens bem certo não sei pq compro de um criador elas soltas de 5kg, mas vem sempre mais painço e girrasol e acrescento mais alpiste, senão fica uma mistura mto "gordurosa"), uso maçã, pepino(como dito a cima), ovo 2x por semana tbm, chicoria, pão seco, farinhada para parrots da alcon (a unica que eles aceitaram), farinhada de ostra para regular intestino e como fonte de cálcio, milho verde (amam), brócolis, cenoura ralada, as vezes beterraba.

Obs: Acredito que me esqueci de algo, se me lembrar posto depois, quando preciso uso vita gold (quando usar tomem cuidado para não exagerar). Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=11637314465906732132
Leyson Robert
Fazendo Ninho
Fazendo Ninho
avatar

Mensagens : 607
Data de inscrição : 13/03/2011
Idade : 37
Localização : Brasília - DF

MensagemAssunto: Re: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   Sab 30 Abr 2011, 2:56 pm

Filotes escreveu:
Para as minhas aves uso as seguintes sementes e frutos:

Ótimo Filotes, mais da próxima vez evite postar duas vezes seguida, clica no botão edit e edita a sua primeira msg Wink

Eu tbm dou cc2030 para os meus, mais tbm dou Canarita Vermelha e Amarela, Farinhada de Jiló e Farinhada Branca, algumas vezes na semana misturo na ração o cc fruta mix, não muito, só um pouco pois eles tbm ficam viciados com isso kkkkkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
Filotes
Começando a Voar
Começando a Voar
avatar

Mensagens : 115
Data de inscrição : 15/04/2011
Idade : 28
Localização : Passo Fundo - RS

MensagemAssunto: Re: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   Sab 30 Abr 2011, 3:05 pm

Não vi que tinha onde editar, ainda não sei bem como funciona o forum Embarassed

Também uso a farinha de jiló mas não gostam mto só os agapornis que comem de tudo kkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=11637314465906732132
Leyson Robert
Fazendo Ninho
Fazendo Ninho
avatar

Mensagens : 607
Data de inscrição : 13/03/2011
Idade : 37
Localização : Brasília - DF

MensagemAssunto: Re: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   Sab 30 Abr 2011, 3:34 pm

Filotes escreveu:
Não vi que tinha onde editar, ainda não sei bem como funciona o forum Embarassed

Também uso a farinha de jiló mas não gostam mto só os agapornis que comem de tudo kkk

Realmente os Agapornis comem de tudo, até o lixo no fundo da gaiola se deixar sujo por muito tempo, são os famosos lixeiros kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Alimentação de 7 espécies diferentes ;)   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Alimentação de 7 espécies diferentes ;)
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Cbraves :: Alimentação-
Ir para: